Araruna e região se liga aqui! - www.ivanfilmagempb.com
Publicado em:

Justiça Eleitoral concede aplicativo gratuito para eleitor apurar votos pelo celular

Os eleitores poderão, este ano, contar com uma novidade tecnológica oferecida pela Justiça Eleitoral: o acompanhamento em tempo real da contagem dos votos por meio do aplicativo “Apuração 2014”. O instrumento pode ser baixado gratuitamente em dispositivos móveis como tablets e smartphones.

Onde Baixar

A inovação se junta às outras duas plataformas já utilizadas nas eleições anteriores e também permitem monitorar a apuração: o sistema “Divulga”, na versão desktop (computador de mesa), com as informações completas dos resultados; e o “DivulgaWeb”, disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os dois aplicativos também podem ser baixados gratuitamente.

Em virtude da diferença de fuso horário, o TSE irá começará a divulgação da totalização dos votos para presidente da República às 19h (horário de Brasília) do próximo domingo, quando a votação já estiver encerrada em todo o território nacional. Para os demais cargos, a totalização dos votos pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) e a remessa das informações ao TSE terá início logo após o encerramento da votação, às 17h, respeitando-se o horário local.

O aplicativo “Apuração 2014” pode ser baixado sem custo em tablets e smartphones que utilizam os sistemas operacionais IOS e Android. Por meio do aplicativo, é possível acompanhar os dados de todo o Brasil e visualizá-los a partir de consulta nominal, que apresenta o quantitativo de votos totalizados para cada candidato com a indicação dos eleitos ou dos que foram para o segundo turno (no caso da disputa de governador e presidente). Também é possível selecionar os candidatos favoritos e visualizá-los com destaque.

Abrangência

O eleitor pode, ainda, selecionar a abrangência que deseja acompanhar a apuração. Por exemplo, pode-se escolher “Brasil” para acompanhar a votação de presidente da República e “Estados” para acompanhar a votação para governador, senador, deputado federal, deputado estadual ou deputado distrital por Unidade da Federação. Também é possível acompanhar o desempenho nas urnas do candidato a presidente em cada Estado. Além de visualizar o número de votos, é possível acompanhar o percentual de apuração das seções e ainda compartilhar essas informações nas redes sociais.

Os resultados são atualizados automaticamente e, ao final da apuração, serão exibidos os eleitos com o quantitativo de votos obtidos e o percentual de votação por candidato. O candidato que aparecer com zero voto pode não ter tido votação, estar indeferido com recurso ou, após a preparação das urnas, ter sido indeferido, ter renunciado ou falecido. Os votos para candidatos indeferidos com recurso ou cassados com recurso não serão exibidos, conforme a Lei das Eleições, artigo 16-A.

Como baixar

O aplicativo não apresenta resultados da votação em trânsito nem da votação no exterior para o cargo de presidente da República. Para baixar o aplicativo Apuração 2014, acesse as lojas Google Play e iOS App Store.

Divulga tem dados completos

O TSE também disponibilizou a consulta do resultado da eleição por meio do DivulgaWeb. O dispositivo apresenta o mesmo conteúdo do aplicativo Apuração 2014, mas permite ao usuário acompanhar a apuração do resultado das eleições pela Internet sem necessidade de instalação de qualquer software adicional em seu computador.

O usuário pode contar ainda com outro aplicativo, o “Divulga”, na versão para computadores de mesa. O sistema possibilita o acompanhamento dos resultados de votação de candidatos, partidos e coligações. E permite a visualização de maior número de dados como votos recebidos pelas coligações. Os dados podem ser exportados em formatos PDF e CSV. Para usar o “Divulga”, basta fazer o download do programa a partir do site do TSE (www.tse.jus.br).

Encerra propaganda na TV e comício

Nesta quinta-feira (2) é o último dia para a exibição da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão, de acordo com o calendário eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Hoje é também o prazo final para os candidatos fazerem reuniões públicas de campanha, comícios e para a utilização de aparelhagem de som fixa, entre as 8h e a meia-noite.

É também a data limite para a realização de debates políticos na televisão ou no rádio. Debates iniciados hoje podem se estender, no máximo, até as 7h do dia 3 de outubro. Também até hoje, partidos políticos e coligações terão que indicar à Justiça Eleitoral o nome das pessoas autorizadas a expedir as credenciais dos fiscais e delegados de partido que estarão habilitados a acompanhar os trabalhos de votação.

Havendo segundo turno, o início da propaganda no rádio e na televisão será a partir de 48 horas após a proclamação dos resultados do primeiro turno e vai até o dia 24 de outubro. O segundo turno ocorrerá no dia 26. As emissoras de rádio e televisão divulgarão a propaganda eleitoral gratuita todos os dias da semana, em dois períodos diários de 20 minutos, iniciando-se: no rádio, às 06h e às 11h; na televisão, às 12h e às 19h30.

Para as inserções, de acordo com a Justiça Eleitoral, serão destinados 30 minutos diários, no rádio e na televisão. Este tempo será dividido em partes iguais, de 6 minutos para cada cargo em disputa, podendo ser utilizado nas campanhas majoritárias e proporcionais.

Por: Ivan Filmagem
how to make gifs
Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

Publicidades:
Publicidade Publicidade

Últimas Notícias

Comentário

wwww.ivanfilmagempb.com - Todos os direitos reservados.