Araruna e região se liga aqui! - www.ivanfilmagempb.com
Publicado em:

Energia Elétrica da Prefeitura de Catingueira é cortada por falta de pagamento

A Prefeitura Municipal de Catingueira está com seu fornecimento de energia cortado deste a última sexta-feira, dia 23 de janeiro. A suspensão já dura cinco dias e o motivo foi a falta de pagamento por parte da atual gestão.
A informação do corte foi confirmada ao catingueiraonline pela própria distribuidora de energia elétrica da Paraíba, a Energisa.

Segundo a assessoria de comunicação da empresa, um débito financeiro se encontra em aberto e por isto que ocorreu a suspensão.

A notícia ganhou grande repercussão na cidade e nas redes sociais. Alguns internautas relataram que também estão sem internet pelo fato do corte de energia ter atingido o prédio da repetidora, local onde se encontra instalado os equipamentos de um provedor de internet.

Segundo o site da energisa, a prefeitura de Catingueira possui três faturas pendentes. A primeira no valor de R$ 1.004,56, a segunda de R$ 1.106,30 e a terceira de R$ 3.400,73, totalizando R$ 5.511,59.

Em uma rede social, um internauta brincou. “Sem internet, agora serei obrigado a roubar o Wi-Fi do povo”. Outro disse: “Isto é uma vergonha, tanto dinheiro e deixam cortar a energia da prefeitura”.

A falta de pagamento a energisa pela prefeitura de Catingueira não é novidade na cidade. A atual administração é considerada por muitos uma má pagadora e possui alguns débitos atrasados há vários meses no comércio local, basta analisar os balancetes mensais da edilidade, ou o site do TCE, para comprovar a informação.


Redação com assessoria
WSCOM Online

Por: Ivan Filmagem
how to make gifs
Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Energia Elétrica da Prefeitura de Catingueira é cortada por falta de pagamento"

Deixe um comentário!

Publicidades:
Publicidade Publicidade

Últimas Notícias

Comentário

wwww.ivanfilmagempb.com - Todos os direitos reservados.