Araruna e região se liga aqui! - www.ivanfilmagempb.com
Publicado em:

Pelo menos 290 mil paraibanos estão inadimplentes com as contas de energia, diz Energisa da PB

Pelo menos 290 mil paraibanos estão inadimplentes com o pagamento das contas de energia elétrica do mês de outubro, segundo os dados da Energisa, empresa responsável pela distribuição de energia no estado. De acordo com Rainilton Andrade, gerente do departamento de serviços comerciais da concessionária, cerca de 60% dos casos de inadimplência são de residências.

De acordo com o levantamento, 20% dos inadimplentes são empresas comerciais e os 20% restante são de órgãos públicos. Andrade explica que a maior parte dos clientes que ainda não realizaram o pagamento são do município de João Pessoa. “Pelo menos 40% dos inadimplentes são da capital, seguido de 30% de casos registrados em Campina Grande. Os outros inadimplentes são de outros municípios”, diz.

Segundo a Energisa, desde a segunda-feira (23) a empresa iniciou uma operação de combate à inadimplência em todo o estado, com a ampliação das ações de negociação e corte por falta de pagamento em todos os casos. O gerente diz que nem todos os casos de atraso terão o serviço cortado durante a ação, uma vez que muitos clientes ainda estão dentro do período de notificação da empresa.

“A partir do segundo dia de atraso no pagamento, a Energisa começa a notificar o cliente sobre o atraso. A notificação pode ser feita de várias formas, sendo as principais por meio de ligações telefônicas, SMS e também pelos Correios. Passados 15 dias após a notificação, o órgão já pode começar a realizar o corte, caso o cliente não realize o pagamento ou não negocie a dívida”, explica Andrade.

A Energisa explica que os cortes são feitos apenas em casos extremos, e que os clientes podem procurar a empresa, após a notificação, para negociar o pagamento. “Uma das principais formas de negociação é o parcelamento da dívida. Se o cliente não tem como pagar o valor integral, a conta é parcelada e o pagamento do sinal, que é a primeira parcela, já garante que o serviço não vai ser suspenso”, comenta o gerente.

Ainda segundo o órgão, para reestabelecer o serviço, o cliente deve procurar a empresa após a quitação da dívida ou o pagamento da primeira parcela da negociação e solicitar a regularização. “A partir desta solicitação, a Energisa tem até 24 horas para o serviço voltar”, conclui Rainilton Andrade.

G1 PB

Por: Ivan Filmagem
how to make gifs
Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Pelo menos 290 mil paraibanos estão inadimplentes com as contas de energia, diz Energisa da PB"

Deixe um comentário!

Publicidades:
Publicidade Publicidade

Últimas Notícias

Comentário

wwww.ivanfilmagempb.com - Todos os direitos reservados.