Araruna e região se liga aqui! - www.ivanfilmagempb.com
Publicado em:

Olenka se esquiva sobre entrega de cargos do PMDB no Governo RC e diz que racha só interessa a oposição

Com um assento na Assembleia Legislativa da Paraíba graças a uma articulação que emplacou o deputado Trócolli Junior (PMDB) no primeiro escalão do governo Ricardo Coutinho, a suplente Olenka Maranhão (PMDB) preferiu se esquivar de opinar sobre a possibilidade da entrega de cargos do seu partido na administração estadual.

Para a parlamentar, um racha entre os dois grupos (PMDB e PSB) alimentaria muito mais a oposição do que os dois partidos envolvidos. Na semana passada, quando anunciou a desfiliação do PMDB, o deputado Gervásio Maia sugeriu que o partido de Olenka entregasse os cargos que têm no Governo do Estado, já que sinalizava com divergências em relação a politica socialista.

“Eu não vou discutir a declaração de Gervásio sobre a entrega de cargos logo no momento em que ele deixou o PMDB. Não vou entrar nessa discussão, até porque eu não estava presente. Eu respeito às opiniões, gosto de discutir de forma objetiva aquilo que ouvi. Eu acho que fica muito abstrato discutir aquilo que eu não estava presente no momento em que foi dito”, esquivou-se.

Sobre estar em uma situação desconfortável, já que só está com um assento na Casa devido a uma articulação do governador Ricardo Coutinho, que nomeou um deputado peemedebista para abrir vaga na ALPB para a sobrinha de José Maranhão, Olenka mais uma vez foi genérica.

“Eu sou política há muito tempo e acho que politica a gente tem que fazer com liberdade e independência e acima de tudo tendo posições, é dessa forma que venho pautando minha atuação. É importante esta no exercício do mandato, estou na Assembleia, mas vejo como algo natural qualquer movimentação pelo fato de ser suplente. As coisas na politica têm seus momentos e acima de tudo têm seus caminhos”, disse.

Olenka ainda lembrou das eleições de 2014, em que o PMDB foi essencial para garantir a vitória do PSB no segundo turno das eleições.

“O PMDB e o PSB em vários momentos construíram uma história de identidade, sobretudo em 2014, que foi um momento difícil. Acho que essa discussão de um eventual rompimento interessa muito mais a oposição do que a situação, isso é um fato”, finalizou.

Henrique Lima/ Márcia Dias
PB Agora

Por: Ivan Filmagem
how to make gifs
Share to Facebook Share to Twitter Share to LinkedinStumble It Share to Google Buzz Mais...

veja também

0 comentários em: "Olenka se esquiva sobre entrega de cargos do PMDB no Governo RC e diz que racha só interessa a oposição"

Deixe um comentário!

Publicidades:
Publicidade Publicidade

Últimas Notícias

Comentário

wwww.ivanfilmagempb.com - Todos os direitos reservados.