Tráfico e homicídios representam 70% dos chamados para Disque 197

O Disque Denúncia da Polícia Civil, que atende pelo número 197, registrou 4.504 denúncias de 167 municípios paraibanos no ano passado. As denúncias anônimas relataram crimes das mais diversas naturezas e ajudaram na elucidação de vários casos envolvendo homicídios, latrocínios, tráfico de drogas, roubos, furtos, estelionatos e crimes contra idosos.

Com base nas informações repassadas pela população por meio da ferramente, a Polícia Civil efetuou 190 prisões em flagrante, recuperou 24 veículos roubados e apreendeu 80 kg de drogas e 38 armas de fogo.

Diferente do 190, que tem um caráter preventivo e emergencial, o 197 deve ser acionado quando o crime já aconteceu e o denunciante tem informações importantes que auxiliem os investigadores na solução do caso.

Ao Portal MaisPB o gerente operacional do 197 na Paraíba, João Batista Micena, explicou que ao receber a denúncia a delegacia tem um prazo de 30 dias para averiguar a informação recebida anonimamente e dar uma resposta sobre o caso.

Segundo ele, das 4.504 denúncias registradas em 2017, os crimes relacionados à homicídio e tráfico de drogas foram os mais recorrentes, correspondendo a aproximadamente 70% dos casos. Os municípios que mais registraram denúncias foram João Pessoa e Campina Grande.

“A importância do disque denúncia está relacionada às condições que são dadas aos denunciantes para apontar criminosos. O anonimato do denunciante é garantido, além das informações que ele presta. É um serviço que funciona em toda a Paraíba” explicou João Batista.

MaisPB

Facebook Comments APPID

Contato P/ Shows (83) 9.9911-3863 Lia Morenno

Contato P/ Shows (83) 9.9911-3863 Pinto do Forró

Publicidade: Vidraçaria Aluvidros

Redes