ARARUNA

Campinense vence fora de casa e Treze empata sem gols

Os rivais Treze e Campinense entraram em campo na tarde deste domingo (5) em jogos válidos respectivamente pelas Séries C e D do Campeonato Brasileiro. O Galo acabou empatando sem gols com o ABC e segue sem vencer na competição. A Raposa, por sua vez, apesar de ter desperdiçado grandes oportunidades, superou o Vitória-PE fora de casa pelo placar de 1 a 0.
Treze 0 x 0 ABC

No início da partida, o ABC trocava os melhores passes. O Treze, por outro lado, apostava em jogadas de velocidade para tentar atacar com perigo. Aos 20 minutos, o Galo chegou a balançar a rede adversária. Gil acertou ótimo passe para Eduardo, que não perdoou e mandou para dentro da meta. Porém, o camisa 9 foi flagrado em posição de impedimento e o gol foi anulado.

Aos 26 minutos, o Treze continuou indo para cima. Edy arrancou pela direita e cruzou para a área. A bola passou por todo mundo e sobrou para Gil, que recuou para Marcelinho Paraíba. O camisa 10 arriscou e quase abriu o placar para o Galo.

Mais uma boa jogada do Treze ocorreu aos 40 minutos. Diego Ceará tocou para Edy. O lateral chegou pela linha de fundo e cruzou para Eduardo. O atacante cabeceou e, por muito pouco, não marcou o primeiro do Galo na partida. No minuto seguinte, mais uma vez o grito de gol ficou entalado na torcida do time da casa. Diego Ceará tentou o cruzamento, a bola mudou de direção e acertou o travessão do gol de Edson.

O ABC foi chegar com perigo apenas aos 43 minutos. Rodrigo Rodrigues arriscou e Mauro Iguatu fez grande defesa. Foi a melhor chance do time potiguar no primeiro tempo.

Na segunda etapa do jogo, o Treze seguiu tomando a iniciativa de partir para o ataque, recebendo apoio da torcida, mas desperdiçando muitas oportunidades. Logo aos seis minutos, Diego Ceará cruzou na área, Juninho apareceu sozinho e cabeceou para o chão. A bola passou muito perto do gol.

Grande chegada do Treze aos 22 minutos. Eduardo cabeceou e Edson fez grande defesa, salvando o ABC. Aos 28, Gil invadiu a área potiguar e chutou com força, fazendo Edson espalmar a bola. Na segunda tentativa, o atacante trezeano arriscou fraquinho, perdendo um gol feito.

As equipes seguiram errando muito na reta final da partida, que acabou empatada sem gols.
Vitória-PE 0 x 1 Campinense

Nos primeiros minutos, o Campinense dominava completamente as ações da partida, principalmente do lado esquerdo, com João Victor e Erivan. Aos 21 minutos, Gustavo levantou a bola na área, Lopeu desviou e Erivan empurrou para o fundo das redes, mas o assistente levantou a bandeira e apontou impedimento, frustrando a comemoração do time da Raposa.

Após o gol anulado, o Campinense diminuiu um pouco o ritmo ofensivo. Com isso, o Vitória começou a buscar espaços, mas sem efetividade.

No segundo tempo, o goleiro do time pernambucano teve que mostrar serviço. Aos dois minutos, Erivan cabeceou na pequena área e Dida fez uma grande defesa. Na sequência, João Victor recuperou a bola, tentou o chute e o arqueiro fez nova defesa, em cima da linha.

Dida, no entanto, não conseguiu impedir o gol da Raposa, aos cinco minutos. Lopeu recebeu na área, bateu cruzado e o nigeriano Yerien completou para o fundo das redes.

O ataque raposeiro ainda teve boas chances de ampliar a diferença no placar, mas falhou. Aos 30 minutos, Erivan recebeu lançamento rasteiro de Vitor Maranhão e bateu para fora, da entrada da área, desperdiçando mais uma boa oportunidade. Aos 46, já nos acréscimos, Lopeu recebeu na área, livre de marcação e cara a cara com o goleiro Dida, e mandou a bola para fora, desperdiçando mais uma chance o Campinense.

Portal Correio

Nenhum comentário

Facebook Comments APPID

Publicidade: Vidraçaria Aluvidros

Redes