ARARUNA

‘Não tem hora para acabar’, diz caminhoneiro em Campina Grande

O protesto de caminhoneiros na manhã desta segunda-feira (22), na BR-230 em Campina Grande, “não tem hora para acabar”. É o que disse Marcos Cristiano, um dos representantes do movimento.

Em entrevista à rádio Jovem Pan de João Pessoa, Cristiano assegurou que a manifestação não tem ligação com sindicatos da categoria. “Não tem político, não tem sindicato envolvido. Estamos cansados de ser enganados com a diminuição do combustível e na bomba não baixa”, desabafou.

“Está [o protesto] está começando hoje e vai até o governo garantir nosso pleito, o movimento é crescente. Não tem hora para acabar. O governo só tem nos enganado”, acrescentou.

Os caminhoneiros são contra a resolução da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) que estabeleceu uma tabela de preços mínimos do frete rodoviário e também pedem a redução do preço do diesel.

“Hoje a nossa viagem não paga o custo. Estamos sendo boicotados, o governo não faz valer a lei do autônomo”, finalizou.

Na BR-230 em Campina Grande, os caminhões estão sendo parados e desviados para o acostamento. Veículos de menor porte e caminhões com cargas vivas e produtos perecíveis são liberados pelo bloqueio.

MaisPB

Nenhum comentário

Facebook Comments APPID

Publicidade: Vidraçaria Aluvidros

Redes