ARARUNA

Reunião discute a implantação da Casa da Economia Solidária

Em breve Araruna estará sediando mais uma Casa de Comercialização da Agricultura Familiar e Economia Solidária, a sétima no Estado, nessa segunda-feira (23) ocorreu mais um encontro onde o Gerente Executivo das Casas de Economia Solidária da Paraíba, Marcelo Melo, ouviu as demandas dos presentes com o objetivo de traçar estratégias de funcionamento da Casa visando fortalecer a economia solidária do município.

Participaram da reunião representantes do comitê gestor, artesãos e presidentes de associações de Araruna, Tacima, Damião e outros municípios próximos que serão abrangidos pela casa. Na pauta, além das discussões pontuais, houve a participação de Tiago Cesar do PROCASE PB, que garantiu a participação do município de Araruna na próxima etapa do Programa previsto para 2021.

Marcelo Melo executivo das Casas de Economia Solidária destacou a parceria bem-sucedida entre o município de Araruna e o Governo do Estado. Para Marcelo, quando se fala em economia solidária em Araruna é preciso ressaltar a vontade do Prefeito Vital da Costa na instalação da Casa em Araruna.

O Secretário de Turismo, Desenvolvimento Econômico e Rural Availdo Azevedo ressaltou a determinação do Prefeito para execução do programa e disse que somente a junção de todos de mãos dadas com compromisso de não deixar ninguém para trás será o diferencial que precisamos para soerguer a agricultura familiar, o artesanato e atividades afins tornando a nossa região referência para a Paraíba.

O Secretário Múcio Macedo destacou o empenho do Prefeito Vital Costa e a boa vontade do Gerente Executivo Marcelo Melo que é filho de Araruna para o êxito do programa. Vários agricultores familiares e artesãos entre os quais Julieta de Lourdes, Geraldez e Antônio Barreira falaram com convicção da importância desse projeto para o município.

Saiba mais:
Os Equipamentos Públicos de Economia Solidária são Espaços Públicos Multifuncionais designados a articular oportunidades de geração de empregos, fortalecimento e promoção do trabalho coletivo seguindo os princípios da economia solidária. Instrumentos importantes para a consolidação de uma política transversal para a Economia Solidária no estado da Paraíba agrupando ações de formação e capacitação, assessoria técnica, divulgação, comercialização e articulação social e política do movimento de economia solidária. Consistem em estruturas criadas e mantidas pela parceria entre o poder público e a sociedade civil organizada.

Já o Procase é fruto da parceria entre o Governo do Estado da Paraíba e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), organismo das Nações Unidas (ONU), beneficiando 56 municípios do semiárido paraibano, e visa fortalecer a agricultura familiar e contribuir para o desenvolvimento rural sustentável, reduzindo os níveis de pobreza rural e fortalecendo ações de prevenção e mitigação da desertificação.
ASCOM - PMA

Nenhum comentário

Facebook Comments APPID

Publicidade: Vidraçaria Aluvidros

Redes